Documento do meu Antenato E um ALERTA! - Buscando Itália
anúncio

Documento do meu Antenato E um ALERTA!

Documento do meu Antenato

E um… CUIDADO.

 

Documento do meu Antenato. AH! Bem, eu descobri a cidade onde se encontra o documento do meu Antenato. E estou bem contente, foi na terça-feira 28 de maio de 2019.

Depois de muito tempo, procurando saber de onde era meu “Antenato”, enfim descobri que somos de uma cidade da Província de Treviso, região do Veneto.
“Siamo Trevisan”!!!

Não era só eu quem estava a muito tempo procurando o documento do meu “Antenato”. Uma Tia minha, me disse que só lhe faltava este documento. Eu nem sabia que ela estava procurando também.

Porém, ela me disse uma coisa que me alarmou.

Conversando com ela a respeito, lhe perguntei se ela iria fazer o processo de reconhecimento e ela disse que achava que sim. Outrora, me dissesse que não, por que era muito caro.

Bem, indagou “nossa com você conseguiu, eu estou procurando este documento a tempo e esse era o único documento que me faltava” Então, lhe disse que agora esse era meu trabalho.

E papo vai e papo vem, ela disse um “palavrão” para mim, e eu me assustei – não se tratou de um palavrão ofensivo não, mas me soou com se fosse.

Ela me disse que havia saído uma ‘NOVA RESOLUÇÃO” (o palavrão), e que não haveria mais a necessidade de fixar residência, e então, poderia fazer o reconhecimento sem ter que ir à Itália.

Bem… eu lhe perguntei… “só se a senhora for fazer no consulado italiano no Brasil”. E ela disse, “não… saiu uma “NOVA RESOLUÇÃO””.

Então, eu lhe disse, “não faça nada por enquanto”. Pois, no meu entender não existia nada sobre isso. E que poderia ser esses PICARETAS que estão tomando o dinheiro das pessoas por meio de uma séries de crimes.

E que se ela entrasse em algo assim, além de perder todo dinheiro investido, teria a sua cidadania anulada e talvez, disse talvez, ter um processo a responder perante ao governo italiano.

 

Vou desviar a conversa para um assunto que eu acho de suma importância.

E procurar no meu humilde conhecimento, “ALERTÁ-LO” dos riscos que você pode estar cometendo,

se for o seu caso.

Sim, temos já 800 cidadanias anuladas, não canceladas.

Sim, anuladas.

Isso por que você não perde o direito a cidadania.
Mas neste suposto caso, tem a cidadania anulada, perdida.

E agora em 29 de maio de 2019, descobriu se, em Curitiba, que podem ter mais centenas de cidadanias canceladas. Pasmem, tem juízes, e até Governador com o nome já declarado.

Mas todo o processo que é feito de forma criminosa,

é anulado.

É como se você não tivesse feito nada. Todo o seu trabalho e esforço.. em vão.

Com cidadania – Sem cidadania.

Além disso, todo o dinheiro investido será perdido, sem retorno.

E também o fato de que você poderá ter que responder a um processo junto ao Governo italiano.

Mesmo que você não tenha culpa, tenha sido enganado (mas quem decidirá se você é culpado ou não, será a corte italiana, não sou eu ou você quem decide).

Por isso, neste suposto caso, se pisar em solo italiano, deverá contratar um advogado reconhecido pelo governo italiano, para te defender…

…e quanto tempo e dinheiro deverá custar isso?

Veja o tamanho do problema… e pode piorar ainda.

E creio que se não for resolvido essa questão, você não poderá requer novamente o reconhecimento da sua cidadania, até resolver a sua situação junto ao governo italiano.

Pois você terá uma pendência com o Governo italiano, mesmo que não tenha culpa.

 

Pense bem, cuidado.

Não acredite no “jeitinho brasileiro de ser”.  Sabe, o brasileiro tem a mania, o vício, de querer “aparecer”.

Aparecer no sentido de querer fazer sempre da forma diferente do que deve ser feito.

Se na Itália, o governo nos da a chance privilegiada de fazer nosso processo de reconhecimento em 3 meses (em média), o brasileiro não fica satisfeito.

E olha que no consulado italiano no Brasil, por exemplo em São Paulo, leva em média 10 a 14 anos .

Mas… Não, o brasileiro já quer burlar a leis e quer mostrar que ele é o “gerson”, que fez em 3 dias (mas só se for de forma irregular, crime, e mais cedo ou mais tarde, será anulada).

Depois que for anulada, ele vai procurar colocar a culpa em alguém…

governo italiano…

o cara da carrocinha da pipoca….

… ou sei lá quem ele vai tentar passar a culpa.

Pense.

Na Itália são só 3 meses em média.

Em São Paulo, por exemplo são 120 até 168 meses EM MÉDIA.

É ou não é um privilégio que o governo italiano está nos dando de presente.

Pense.

Se você não puder ficar esse tempo na Itália…

…faça no Brasil.

Simples, não acha.

Eu gostaria muito de tomar um “capuccino” na Itália agora, mas infelizmente não posso.
Então, vou tomar um aqui no Brasil, POR ENQUANTO, É CLARO.
Simples não acha?

Cuidado com os milagreiros.

Bem, agora que consegui encontrar o documento do meu Antenato italiano, vamos nos planejar e verificar a possibilidade de fazer o reconhecimento da cidadania italiana.

 

Arrivederci!